22.4.11

perdão?

perdão,
hoje andas no meu pensamento, e sinceramente não sei o que fazer contigo, e ninguém pode me ajudar, só eu é que posso decidir o que fazer contigo perdão, mas tu estás a deixar a minha cabeça em água, a minha barriga tem um nó tão grande que nem consigo comer, e a garganta, a garganta tem um nó ainda maior que não me permite falar, também, não tenho nada a dizer... ando a sentir, a sentir tudo, e não tenho libertado nada, ou melhor, até tenho, lágrimas... mas isso faz bem, as lágrimas que traçam o meu rosto é o sangue do meu coração, o meu coração está verdadeiramente magoado, e não sei como repara-lo, talvez o tempo ajude, não? não sei, não sei o que fazer com o meu coração, nem com o meu coração nem contigo, perdão, e sei bem que não me vais largar tão cedo pois não? vou passar o resto das minhas férias contigo a matutar a minha cabeça, a aterrorizar a minha garganta, e a deixar a minha barriga passar fome... tenho fome de um sorriso, e nem isso tu me deixas comer, a minha garganta necessita de se expressar e tu não deixas fazer, mas perdão? tu não podes castigar-me assim, tens de me deixar pensar em tudo, como tudo tem de ser pensado, e não assim. não podes deixar-me assim, não podes...
mas olha, perdão? quem ama perdoa não é?
perdão sussurra: sim...
eu amo... eu perdoo-o então?
(...)


tenho os olhos vidrados, a minha alma decidiu deixar as lágrimas fluir... até logo perdão*

3 comentários:

AnaM. disse...

fofinha estarei aqui para TUDO o que precisares <3

AnaM. disse...

não tens de agradecer meu amor, só te quero bem <3

Anónimo disse...

estou aqui sp, para tudo aquilo que precisares e não precisares. mesmo que de vez em quando a tua cabeça pense que te larguei a mão e te deixei para ir para longe, não penses que é verdade. Continuo aqui, como sempre o fiz. Continuo com a minha mão agarrando a tua, com um sorriso pronto para ti, com uma palavra pronta para te sussurrar. Não vou abandonar-te NUNCA, escreve: N-U-N-C-A! tu sabes quem sou, tu conheces-me. eu amo-te muito, por tudo, por nada, por qualquer coisa, não temas... eu estou aqui boneca, melhor amiga...